Volume
Redes
Sociais
William Waack é demitido da Globo após comentário racista
22/12/2017 - 14h55 em GospelNews

O jornalista e a emissora divulgaram um comunicado em conjunto

 

Após protagonizar uma polêmica sobre racismo, o jornalista William Waack foi demitido da Rede Globo. O anúncio foi feita na manhã desta sexta-feira (22).

Em um vídeo divulgado em novembro deste ano, Waack reclama de buzinas enquanto grava um jornal e, em seguida, teria comentado que o ato era “coisa de preto”.

A fala causou indignação e acusações de racismo. O jornalista foi afastado do trabalho imediatamente. Waack, em conjunto com a Globo, emitiu um comunicado sobre a decisão. Confira:

Em relação ao vídeo que circulou na internet a partir do dia 8 de novembro de 2017, William Waack reitera que nem ali nem em nenhum outro momento de sua vida teve o objetivo de protagonizar ofensas raciais. Repudia de forma absoluta o racismo, nunca compactuou com esse sentimento abjeto e sempre lutou por uma sociedade inclusiva e que respeite as diferenças. Pede desculpas a quem se sentiu ofendido, pois todos merecem o seu respeito.

A TV Globo e o jornalista decidiram que o melhor caminho a seguir é o encerramento consensual do contrato de prestação de serviços que mantinham.

A TV Globo reafirma seu repúdio ao racismo em todas as suas formas e manifestações. E reitera a excelência profissional de Waack e a imensa contribuição dele ao jornalismo da TV Globo e ao brasileiro. E a ele agradece os anos de colaboração.

Ali Kamel, diretor de jornalismo da TV Globo

William Waack, jornalista e apresentador de programas jornalísticos da TV Globo

A TV Globo informou que ainda nesta manhã anunciará o substituto de William Waack.

Fonte: PlenoNews

Foto: Divulgação/TV Globo

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!